FHC elogia Paulo Renato em cerimônia no Planalto

O presidente Fernando Henrique Cardoso e o ministro da Educação, Paulo Renato Souza, entregaram a 20 professores de 1ª a 4ª séries do ensino fundamental o Prêmio Incentivo à Educação Fundamental 2002. Durante a solenidade, no Palácio do Planalto, o presidente afirmou que Paulo Renato Souza foi o ministro que mais fez pela educação no País. "Quando as pessoas puderem analisar com objetividade e não com interesses - legítimos, mas que são interesses políticos -, vão verificar que realmente não houve ministro que tenha feito mais pela Educação no Brasil", afirmou o presidente. Paulo Renato aproveitou para rebater críticas freqüentes à educação durante a campanha eleitoral que apontam falta de qualidade no ensino. O ministro disse que essas críticas fazem parte do período eleitoral, em que se procura algo negativo nas estatísticas que mostram o aumento das matrículas e do acesso da população pobre à escola.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.