FHC e Alckmin lançam Prêmio Mário Covas

O governador paulista Geraldo Alckmin embarca por volta das 15 horas para Brasília, onde participa de mais uma missa de 7º dia em intenção do governador Mário Covas, falecido na terça-feira da semana passada. Antes da missa, Alckmin se encontra com o presidente Fernando Henrique Cardoso, no Palácio do Planalto, para o lançamento do "Prêmio Governador Mário Covas para Prefeitos Empreendedores" que será concedido pelo Sebrae. A audiência no Palácio do Planalto está agendada para as 16h45 horas e além de Alckmin participam o presidente da Associação Brasileira de Municípios, Welson Gasparini, o diretor-presidente do Sebrae, Sérgio Moreira e uma delegação de prefeitos do 6º Congresso Brasileiro de Municípios. A missa, que será realizada na Catedral de Brasília, está prevista para às 18h30.A família do governador Covas deve assistir à missa, além de Alckmin, Fernando Henrique Cardoso, ministros, governadores, deputados federais e lideranças políticas. A missa será celebrada pelo arcebispo de Brasília, José Freire Falcão. Na abertura da missa tocado "Jesus Alegria dos Homens", de J.S. Bach. No encerramento, está prevista a execução de uma das músicas preferidas de Covas, com flauta e violino, o tema do filme "Casablanca, "As Times Goes Dy".Com o encerramento do período de luto oficial de 8 dias decretado pela morte do governador Covas, Alckmin retoma a partir de amanhã a agenda do governo com a entrega de uma frota de viaturas às Policias Militar e Civil. Serão entregues 228 veículos Land Rover para 32 municípios da Grande São Paulo. O primeiro evento ocorre na Praça da Sé, às 10 horas. Na sequência estão previstas entregas em São Bernardo do Campo, Mogi das Cruzes, Cotia e Juquitiba.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.