FHC diz ter tirado 800 mil crianças do trabalho infantil

O presidente Fernando Henrique Cardoso destacou hoje, no programa semanal de rádio "Palavra do Presidente", o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). Segundo ele, mais de 800 mil crianças e adolescentes foram beneficiadas pelo programa, que prevê o pagamento de uma bolsa às famílias para compensar o dinheiro que os filhos deixam de ganhar para ir à escola. O programa foi iniciado em 1996 pelas carvoarias do Mato Grosso do Sul, e se estendeu à região produtora de sisal na Bahia. Atualmente, segundo Fernando Henrique, o PETI atende criancas e jovens dos 26 estados e do Distrito Federal. O programa de erradicação do trabalho infantil tem também a parceria dos municípios com a implantação da jornada ampliada, oferecendo atividades como esporte, lazer e cultura fora do horário escolar. "Eu gostaria de ter eliminado para sempre o trabalho infantil. Melhor dizendo, eu gostaria que esse problema nunca tivesse existido. Mas infelizmente esbarramos nas dimensões do nosso país, na dificuldade para mudar condutas condenáveis e para manter uma fiscalização eficaz", disse o presidente, ressaltando que o primeiro passo foi dado e que caberá à sociedade ajudar o Brasil e continuar nessa luta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.