FHC diz estar preocupado com possibilidade de guerra

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso acaba de deixar sua residência, na Rua Maranhão, para vistoriar a reforma de seu novo apartamento, no mesmo bairro de Higienópolis. Fernando Henrique retornou hoje pela manhã ao Brasil e concedeu há pouco sua primeira entrevista à imprensa, após as férias de mais de dois meses, em Paris, depois de deixar o cargo. O ex-presidente disse estar muito preocupado com a possibilidade de guerra no Iraque e defendeu uma solução pacífica para o conflito. Ele evitou fazer uma avaliação sobre o governo Lula, alegando que ainda é muito cedo para isto. "Começo de governo é sempre difícil, e qualquer avaliação só poderá ser feita dentro de seis meses ou um ano." O ex-presidente se colocou à disposição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para consultas, sempre que necessário. Fernando Henrique disse que prefere ser uma figura de Estado, e não ter atuação político-partidária, estando à disposição de Lula, humildemente, quando o novo presidente achar necessário. Fernando Henrique foi recebido, calorosamente, por transeuntes, no caminho para o novo apartamento e se disse satisfeito por estar de volta ao País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.