FHC: denúncias estão sendo investigadas

O presidente Fernando Henrique Cardoso disse que todos os casos levantados pela oposição para justificar a instalação de uma CPI da Corrupção no Congresso já estão sendo investigados. Segundo ele, as denúncias em relação à empreiteira OAS referem-se a casos de 1994 e "quase todos eles" já estão na Justiça. "A questão da Pasta Rosa, idem, e da Sudam, a mesma coisa", disse Fernando Henrique. Ele disse, também, que o Congresso Nacional já está investigando as denúncias que envolvem o Fundo de Investimentos do Nordeste (Finor). "Então, daí eu pergunto: CPI para ver o quê? Por que, antes de fazer a CPI, não vão ver o que está sendo feito?", questionou.Segundo disse, alguns casos mais recentes, como o do DNER, já estão com suas investigações em andamento e dentro dos processos legais. Em relação ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), ele disse que também as denúncias estão sendo investigadas. O presidente ressaltou, durante seu pronunciamento, que a maioria dos casos levantados no Congresso para justificar a instalação de uma CPI da Corrupção refere-se a ações ocorridas "muito antes" do seu governo. Como exemplo, citou o caso Banpará, que ocorreu em 1984. "Tudo já foi investigado, e o processo foi reconstituído e está agora no Pará. Não há nada que o governo possa fazer, nada", observou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.