FHC critica uso da ´retórica vazia´

Nas críticas que fez ao governo de Luiz Inácio Lula da Silva, durante palestra na USP, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso atacou também o uso da retórica. Sem citar diretamente o presidente Lula, FHC afirmou: "Não podemos nos perder na retórica vazia. Tenho horror à retórica, sobretudo no que se refere à política internacional", afirmou. Ao criticar o uso da retórica, o ex-presidente estava destacando a necessidade de o Brasil aproveitar as oportunidades de se capacitar internamente para enfrentar os desafios. Segundo ele, um erro de interesse ou de estratégia fará com que o povo brasileiro, dentro de 20 a 30 anos, tenha menos oportunidades do que tem hoje. Ainda sobre o tema retórica, FHC citou a seguinte frase de Napoleão Bonaparte: "Se não temos fuzil, é melhor ficarmos calados".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.