FHC: 'A condição da nossa vitória é a União'

Ao discursar hoje na convenção nacional do PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso chamou atenção para a unidade do partido como atitude fundamental para voltar ao poder em 2010. "Nós chegaremos lá. A condição de nossa vitória é a união", afirmou, ao lado de dois potenciais candidatos do PSDB à sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva - os governadores José Serra (SP) e Aécio Neves (MG).O ex-presidente defendeu uma aliança com outras forças políticas para o partido disputar a sucessão de Lula. A exemplo do senador Sergio Guerra (PE), que assume a presidência do PSDB em substituição ao cearense Tasso Jereissati, concordou com a avaliação de que a batalha será difícil."A batalha será dura. O primeiro passo será em 2008", disse, numa referência às eleições municipais do ano que vem. "Mas essa batalha será fácil na medida em que ficarmos unidos", afirmou Fernando Henrique.O PSDB elegeu, em sua convenção nacional, a nova Executiva Nacional do partido. O secretário-geral será o deputado Rodrigo de Castro (MG), ligado a Aécio Neves. O grupo de Fernando Henrique tentou emplacar o ex-ministro Eduardo Jorge no cargo, mas não conseguiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.