Família do deputado Afonso Gil contesta versão de suicídio

O corpo do deputado federal e candidato à Prefeitura de Teresina, Afonso Gil Castelo Branco (PDT), foi sepultado na tarde desta terça-feira no cemitério São José. Uma multidão a pé e de carro acompanhou o cortejo, que saiu da Assembléia Legislativa do Estado. Ele foi enterrado sob uma chuva de flores. A família do deputado tem contestado a versão de suicídio apontada pela polícia. Os irmãos do deputado, que moram em Belém (PA), disseram que a personalidade do parlamentar não é compatível com a versão apresentada. Os candidatos a prefeito da capital suspenderam as agendas políticas e compareceram ao velório e ao enterro de Afonso Gil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.