WILTON JUNIOR/ESTADAO
WILTON JUNIOR/ESTADAO

'Falo pelos que querem justiça. Se Goldman quer algo diferente, lamento', responde Doria

Prefeito respondeu vice-presidente da sigla, que disse que Doria 'parece um papagaio' falando de Lula

Pedro Venceslau, O Estado de S.Paulo

13 de julho de 2017 | 14h19

Único tucano do primeiro escalão da legenda que comemorou a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a 9 anos e meio de prisão no caso do triplex do Guarujá (SP), o prefeito João Doria respondeu às críticas do ex-governador Alberto Goldman, que o chamou de “papagaio”

“Falo pelos que querem justiça. Se Goldman quer algo diferente, lamento", disse o prefeito em nota enviada ao Estado.  

Vice-presidente nacional do PSDB, Goldman disse que apenas Doria se “regozijou” com a situação de Lula no PSDB e “há respeito” pelo ex-presidente. Desde a divulgação da sentença do juiz Sérgio Moro, os principais quadros do PASB se calaram sobre o caso. 

No Congresso, o senador Paulo Bauer (SC), líder do PSDB no Senado, foi escalado para falar, mas deu declarações comedidas.          

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.