Extinta comissão mista da reforma da Previdência

O presidente do Senado, José Sarney, e os líderes dos partidos na Casa acabam de extinguir a comissão mista, encarregada de negociar a reforma da Previdência com os senadores, antes de a proposta ser aprovada na Câmara. Criada há menos de uma semana por parlamentares governistas do PMDB, a comissão recebeu apoio do ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu. Mas eles esqueceram de consultar a oposição sobre a iniciativa, o que gerou protestos de líderes do PFL, PSDB e PDT, que ameaçavam não participar da comissão. De acordo com o líder do PFL, José Agripino, prevaleceu o argumento de que seria desgastante para o Senado debater uma proposta que nem mesmo o governo sabe qual é. Segundo o líder, a comissão seria apenas mais um "biombo para o Poder Executivo se esconder", depois de ter delegado a criação da reforma ao Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, aos governadores e ao Judiciário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.