Expectativa de vida do brasileiro sobe para 68,9 anos

A esperança de vida do brasileiro cresceu de 62,7 para 68,9 anos entre 1980 e 2001, como revela relatório divulgado hoje pelo IBGE. Nesse período, houve um incremento de 6,9 anos para as mulheres e 5,5 anos para os homens. A Tábua de Vida, como é chamado o estudo, mostra ainda que o Rio Grande do Sul é o Estado onde as pessoas vivem mais, com esperança de 71,8 anos, enquanto Alagoas tem a menor expectativa de vida, de apenas 63,5 anos. Estudo do IBGE divulgado hoje mostra que as mortes violentas estão achatando a expectativa de vida do brasileiro: em 2001, a esperança de vida do homem ao nascer era de 65 anos, 7,8 anos a menos do que a da mulher brasileira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.