Exército toma posição de ataque em Palmas

Quatro carros de combate urutu e cascavel estão posicionados em situação de ataque em frente ao 1º Batalhão de Polícia Militar, onde 800 policiais estão amotinados há 11 dias.Vários soldados da 26ª Brigada Pára-quedista do Rio de Janeiro também estão a cerca de 20 metros do quartel equipados com fuzis e metralhadoras individuais e montaram vários "ninhos" com metralhadoras MAG com capacidade para disparar mil tiros.Segundo o comandante da tropa, coronel Cerqueira, eles estão dispostos a conversar com os grevistas para acabar com a ocupação do batalhão, mas até agora não obtiveram resposta.Dentro do quartel, todos os PMs posicionaram-se também para qualquer situação de confronto e colocaram viaturas para servir de trincheiras. Segundo o Exército, houve um disparo por parte dos PMs, que foi considerado acidental. Um helicóptero do comando aéreo do Exército está jogando bilhetes em cima do quartel da PM oferecendo salvo-conduto para quem quiser sair pacificamente do local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.