Ex-relator do caso Renan recebe alta e volta ao Plenário

Epitácio Cafeteira estava internado há um mês e passou por cirurgia no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo

Agência Senado,

17 de julho de 2007 | 18h03

O senador Epitácio Cafeteira (PMDB-MA) fez nesta terça-feira, 17, o seu primeiro discurso em Plenário após ter ficado internado por quase um mês e de ter passado por uma cirurgia na semana passada. Ele agradeceu o apoio dos senadores que o visitaram e que lhe telefonaram, afirmando que tal apoio o ajudou a continuar vivendo.   Se Deus quiser, estarei aqui até 2015 dando a mão a cada um e dizendo: "vamos juntos, solidários; vamos ajudar o Brasil" , afirmou.   Veja também:    Entenda o caso Renan   Cafeteira é ex-relator do caso envolvendo o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). Ele pediu afastamento do cargo por motivos de saúde e foi substituído por Wellington Salgado (PMDB).   O relatório elaborado por Cafeteira pedia o arquivamento do processo contra Renan, mas ele foi anulado após análise do novo trio de relatores do caso, Renato Casagrande (PSB), Marisa Serrano (PSDB) e Almeida Lima )PMDB.   Renan é acusado, entre outras denúncias, de ter despesas pessoais pagas pelo lobista Claudio Gontijo, da Construtora Mendes Junior. O pagamento seria destinado à jornalista Monica Velloso, com quem Renan tem uma filha de três anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.