Ex-relator do caso Renan é operado em São Paulo

O senador Epitácio Cafeteira (PTB-MA), de 83 anos, foi operado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, por volta das 6 horas da manhã, desta terça-feira, 10. A cirurgia, intitulada trepanação, consistia na abertura na caixa craniana para a drenagem de um líquido que pressionava o sistema nervoso central. Segundo informações da assessoria do hospital, o parlamentar passa bem.Após sentir-se mal, Cafeteira deu entrada no hospital em 24 de junho. Posteriormente, exames apontaram o vazamento de um líquido, o liquor, através de uma fissura que envolve o cérebro. O rompimento ocorreu numa queda sofrida pelo senador em sua casa, em junho. Recentemente, o parlamentar pediu afastamento da relatoria do caso no qual o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), é investigado pela suspeita de ter contas pessoais pagas por um lobista. Na última segunda-feira, o relatório elaborado por Cafeteira, que pedia o arquivamento do processo contra o presidente do Senado, foi anulado.O relatório absolvia Renan das denúncias que o levaram ao Conselho de Ética. O ex-relator alegou que sua condução do processo contra Renan foi amparada pela legislação vigente, com base no que diz a Constituição Federal e o regimento interno do Senado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.