Ex-presidente da Câmara é denunciado por 'mensalinho'

Severino Cavalcanti é acusado de cobrar R$137 mil de um empresário para explorar um restaurante na Casa

22 de setembro de 2007 | 15h39

O Ministério Público Federal denunciou à justiça o ex-presidente da Câmara dos Deputados Severino Cavalcanti , acusado de cobrar mais de R$137 mil reais do empresário Sebastião Buani, pela autorização de exploração de um restaurante na Casa, segundo a rádio CBN.   Após a denúncia -que ficou conhecida como "mensalinho", Cavalcanti renunciou em 21 de setembro de 2005, para escapar de processo de cassação do seu mandato.     Na última sexta, ele  foi denunciado pelo crime de concussão e pode pegar 24 anos de prisão.

Tudo o que sabemos sobre:
MensalinhoSeverino Cavalcanti

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.