Ex-prefeito cumprirá cinco anos de prisão

O ex-prefeito Mário Jorge Albuquerque, que comandou a Prefeitura de Santa Luzia do Norte, na região metropolitana de Maceió, por 45 dias e desviou R$ 108 mil dos cofres municipais, foi condenado pela Justiça Federal a cinco anos de prisão em regime semiaberto. Denunciado pelo Ministério Público Federal do Estado por ausência de prestação de contas ao Tribunal de Contas da União (TCU), ele confirmou o fato durante interrogatório.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.