Ex-ministro ''''caducou'''', diz tucano

Tucanos e integrantes do DEM reagiram ontem à noite com irritação ao comentário feito pelo ex-chefe da Casa Civil e deputado cassado José Dirceu, que vê uma "tentação golpista" na oposição, com o objetivo de derrubar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva "Ele é autoritário e não aceita manifestações espontâneas contra o governo Lula, como as vaias ", disse o líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM)."Para mim, José Dirceu já caducou como político. Prescreveu. Agora ele é um vitorioso lobista", provocou o tucano, numa referência às atividades de Dirceu como consultor de empresas. Virgílio afirmou ainda que o ex-ministro cometeu "um ato falho" ao vincular setores do PSDB, do DEM e da imprensa com tentativas de golpe. "O PT passou a vida inteira fazendo oposição a todos os governos e não tem moral para atacar ninguém", argumentou. Na mesma linha, o senador José Agripino Maia (RN), líder do DEM, disse que o comentário feito por Dirceu é "completamente estapafúrdio". "É de se perguntar se ele estava sóbrio quando fez tal afirmação", declarou. Embora o Cansei conte com apoio maciço de tucanos e até de membros do DEM, Agripino disse que não se trata de um movimento organizado pelos partidos. "Não há o nosso dedo no Cansei. Acontece que até a juventude está cansada desse governo", insistiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.