Ex-juiz Nicolau será submetido a perícia médica

A Justiça Federal de São Paulo agendou para a próxima sexta-feira, 4, às 10 horas, a avaliação médica do réu Nicolau dos Santos Neto. Solicitada pelo Ministério Público, no início do mês de julho, a perícia poderá determinar que ele seja transferido para a custódia da Polícia Federal ou para um hospital penitenciário. Ele cumpre prisão domiciliar e será transportado até o local de ambulância para evitar prejuízo na realização da perícia e ao acusado.O juiz aposentado, Nicolau dos Santos Neto, também conhecido como Lalau, foi acusado por lavagem de dinheiro e evasão de divisas, sendo apontado pela Procuradoria da República como o principal responsável pelo desvio de verbas das obras do Fórum Trabalhista de São Paulo, em montante equivalente a US$ 100 milhões. Nicolau foi condenado pela primeira vez em junho de 2002, pela sentença do juiz Casem Mazloum.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.