Fernando Freire, ex-governador do RN, é preso na zona sul do Rio

Condenado por desviar recursos públicos, político tinha 4 mandados expedidos contra ele e era considerado foragido desde 2014

O Estado de S. Paulo

25 de julho de 2015 | 12h42

RIO - O ex-governador do Rio Grande do Norte Fernando Freire (PMDB) foi preso na manhã deste sábado, 25, na orla de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro. Condenado por desviar recursos públicos, ele tinha quatro mandados de prisão expedidos pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte e era considerado foragido desde 2014. Freire foi levado para a 12ª Delegacia de Polícia (Copacabana).

Fernando Freire foi vice-governador na gestão de Garibaldi Alves Filho em 1994 e 1998. Em 2002, ele assumiu o cargo de governador quando Alves Filho renunciou para se candidatar ao Senado.  O empresário e político foi denunciado por comandar um esquema de desvio de recursos do Estado, envolvendo fraudes na folha de pagamento do governo entre os anos de 1995 e 2002.

Freire responde a uma série de processos criminais por improbidade administrativa e já foi condenado por peculato, crime que trata da apropriação ou desvio de dinheiro por funcionário público. Em fevereiro, o ex-governador recebeu sentença de 13 anos e quatro meses de prisão em uma das ações penais. Freire estava sendo procurado no Rio de Janeiro e no Distrito Federal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.