Ex-funcionária de Valério e banqueira serão transferidas para BH

Pedido de transferência foi acatado pelo presidente do STF, Joaquim Barbosa, mas a data ainda não foi informada

Mariângela Galucci , Agência Estado

02 Dezembro 2013 | 21h29

BRASÍLIA - O presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, acatou nesta segunda-feira, 2, pedidos das defesas da ex-presidente do Banco Rural Kátia Rabello e da ex-diretora da SMPB Simone Vasconcelos e autorizou a transferência delas para Belo Horizonte, onde residem suas famílias. A data da transferência não foi informada.

Por ordem da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, Kátia Rabello e Simone foram transferidas nesta segunda para a Penitenciária Feminina do Distrito Federal (Colmeia), localizada a 40 quilômetros de Brasília. Condenadas por envolvimento no mensalão, elas estavam presas no 19º Batalhão da Polícia Militar, que fica dentro do Complexo Penitenciário da Papuda, também no Distrito Federal.

Os juízes concluíram que elas deveriam ser levadas a local adequado para o cumprimento das penas no regime fechado.

Mais conteúdo sobre:
Mensalãotransferência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.