Ex-diretores da Petrobras recorrem contra bloqueio

Recentemente, o ministro do STF Gilmar Mendes manteve a decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) favorável à indisponibilidade dos bens

MARIÂNGELA GALLUCCI, Estadão Conteúdo

25 de agosto de 2014 | 19h38

O ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli e ex-diretores da empresa recorreram ao Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar se livrar de uma decisão que determinou o bloqueio dos seus bens. Recentemente, o ministro do STF Gilmar Mendes manteve a decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) favorável à indisponibilidade dos bens. Para Mendes, o bloqueio é cabível e até recomendável.

No recurso protocolado nesta segunda-feira no STF, Gabrielli e os ex-dirigentes da Petrobras pedem que o ministro reveja sua decisão ou leve o caso a julgamento pelos integrantes da 2ª Turma do Supremo.

Mais conteúdo sobre:
PetrobrasTCUSTFbloqueio de bens

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.