Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Ex-diretor desiste de depoimento de Eduardo Campos

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa desistiu dos depoimentos do candidato à Presidência Eduardo Campos (PSB) e do ex-ministro Fernando Bezerra (Integração Nacional), que haviam sido arrolados como testemunhas da defesa.

Estadão Conteúdo

07 de agosto de 2014 | 21h08

O criminalista Nélio Machado, que defende Costa, disse que um advogado de Bezerra o procurou e ponderou sobre a dificuldade de interromper compromissos de campanha do ex-ministro. Machado declarou que em "outro momento" vai apresentar declarações por escrito de Campos e de Bezerra. Costa é réu em ação sobre ocultação de valores supostamente desviados das obras da Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, que foi governado pelo presidenciável.

Mais conteúdo sobre:
CPIPetrobrasdepoimentoCampos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.