Ex-chefe de gabinete de prefeitura é preso em SP

O ex-chefe de Gabinete da prefeitura e secretário de Finanças de Marília (SP) foi preso hoje. Nelson Virgílio Grancieri foi alvo de uma operação do Ministério Público de São Paulo, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). A promotoria de Justiça de Marília e a Polícia Federal também participaram da ação.

EQUIPE AE, Agência Estado

09 de dezembro de 2011 | 15h49

Grancieri já havia sido afastado dos dois cargos que acumulava na prefeitura por conta de decisão em ação civil pública movida pelo MP. Ele foi preso por volta do meio-dia, em sua residência. Sua prisão preventiva havia sido decretada na quarta-feira pela 1º Vara Criminal da Comarca de Marília.

Materiais apreendidos na residência de Grancieri apontaram que, durante sua gestão como chefe de Gabinete e mesmo depois de afastado do cargo, ele gerenciava um esquema de pagamento de valores incompatível com suas rendas a diversos aliados, partidos políticos e moradores da cidade, em quantias que ultrapassavam R$ 500 mil por mês. A ação de hoje complementou a operação realizada dia 24 de novembro para o cumprimento de 10 mandados de busca e apreensão em Marília e Bauru.

Tudo o que sabemos sobre:
prisãopolíticoMarília

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.