Eunício diz que mínimo de R$ 260 terá até 45 votos do PMDB

O ministro das Comunicações, Eunício Oliveira, afirmou que acredita que PMDB dará amanhã entre 43 e 45 votos na Câmara a favor do salário mínimo de R$ 260. A bancada do PMDB na Câmara tem 77 deputados. Na votação anterior da medida provisória que fixou o salário mínimo em R$ 260, votaram a favor da proposta do governo 39 deputados. Segundo Eunício, a diferença de votos na votação de amanhã se deve à presença de peemedebistas que estavam ausentes na sessão anterior. "A Câmara vai manter o que fez", afirmou o ministro. Eunício Oliveira fez esta avaliação durante um breve intrevalo da reunião que está tendo em seu gabinete com o líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e com o presidente do PMDB, deputado Michel Temer (SP). Os três continuam reunidos no Ministério para avaliar a votação de amanhã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.