Estudantes pedem passe-livre interestadual

Cerca de 600 estudantes fizeram manifestação em frente ao Tribunal de Justiça, pedindo a manutenção do passe-livre interestadual nos transportes públicos. Os desembargadores do Órgão Especial julgam na segunda-feira ação de inconstitucionalidade contra o benefício, impetrada pela Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Rio de Janeiro (Fetranspor). O ato de hoje foi provocado por um "engano", segundo o diretor de Escolas Públicas da União Brasileira dos Estudantes Segundadistas (Ubes), Bruno Miranda. "A gente achava que o julgamento era hoje. Mas aproveitamos a confusão para convocar todo o mundo para estar aqui na segunda-feira", explicou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.