?Este governo não rouba nem deixa roubar?, afirma Dirceu

O ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, afirmou no Palácio do Planalto, que o governo Lula mostrou, nos seus primeiros 18 meses, ter compromisso com a transparência administrativa. "Este governo não rouba, não deixa roubar e combate a corrupção. Este é um compromisso histórico nosso", afirmou, durante o balanço dos 18 meses do governo Lula. Ele disse que foram criadas, 93 ouvidorias para tratar das demandas e reclamações da sociedade. Dirceu enfatizou em seu discurso o esforço do governo no sentido de tornar mais eficiente a máquina administrativa. "Não podemos ter um Estado mínimo, mas também não podemos ter um Estado inchado e ineficiente", disse. Acrescentou que o governo adotou medidas para diminuir custos, como ocorreu com a redução dos preços na aquisição de medicamentos pelo Ministério da Saúde, em especial hemoderivados.Segundo o ministro, o governo promoveu a abertura, por meio de concursos, de 37.000 vagas no setor público, além de outras 8.232 na área de defesa e segurança pública. Segundo Dirceu, a segurança é "uma demanda da sociedade". Ele afirmou também que, no governo Lula, os servidores públicos "voltaram a ser tratados como merecem, pelo papel que representam". Disse que os funcionários públicos conseguiram, neste governo, "importantes vitórias em mesa de negociação salarial."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.