Estão em execução 32% das obras do PAC, diz Dilma

Em reunião ministerial, ministra chefe da Casa Civil destaca resultados significativos de gestão

RENATA VERÍSSIMO, Agencia Estado

30 de agosto de 2007 | 12h08

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, fez na manhã desta quinta-feira, 30, um balanço do andamento das obras previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), na reunião ministerial que ocorre na Granja do Torto. Segundo informações da assessoria de imprensa do Palácio do Planalto, Dilma enfatizou que o porcentual de obras em execução subiu de 20% no final do primeiro quadrimestre, para mais de 32% agora. A ministra também destacou o que chamou de resultados significativos de gestão. Citou, como exemplo, o lançamento do edital de concessão para sete rodovias federais, cujo leilão deve ocorrer em outubro. Também mencionou a concessão de licenças ambientais para as usinas do Rio Madeira, além do PAC saneamento, lançado semana passada.  A assessoria de imprensa informou ainda que após a ministra discursaria o ministro do Desenvolvimento Social, Patrus Ananias, e, em seguida, seria a vez do ministro da Secretaria de Comunicação Social, Franklin Martins. Na seqüência, seria aberto um espaço para debates. Antes da ministra Dilma, discursaram o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que fez a abertura da reunião ministerial, e o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Tudo o que sabemos sobre:
PAC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.