Estados devem entregar até amanhã impacto da integralidade

O ministro da Previdência, Ricardo Berzoini, disse que o governo federal vai esperar que os governos estaduais apresentem até amanhã cálculos sobre o impacto da concessão da aposentadoria integral para os atuais servidores públicos com e sem a paridade entre salário e aposentadoria. De acordo com Berzoini, para fazer os cálculos dessa concessão, o governo estabeleceu os seguintes parâmetros durante a reunião de hoje com os governadores: idade mínima de 60 e 55 anos para homem e mulher respectivamente, desde que cumprido o prazo mínimo de 20 anos na carreira e 25 anos no serviço público. Ele salientou que o modelo admite variações, já que a fórmula final só será estabelecida após conhecidos os cálculos feitos pelos Estados. Berzoini disse ainda que será avaliada a integralidade para as pensões no regime do servidor público abaixo do valor de R$ 2.400. Segundo ele, está sendo proposta uma fórmula que prevê um redutor de 50% do valor da pensão superior ao piso de R$ 2.400. Berzoini afirmou que o governo ainda não assumiu nenhum compromisso com essas propostas e só o fará a partir da análise técnica feita pelos Estados e depois que o próprio governo aprofundar os seus estudos sobre o assunto também durante o dia de amanhã. O ministro reafirmou o que os líderes da base aliada anunciaram ao longo do dia, que não há negociação de concessão de receitas federais aos Estados dentro do contexto da reforma tributária para apoiar as medidas previstas para a reforma da Previdência. O ministro elogiou o companheirismo dos governadores por não terem reivindicado compensação para os seus Estados. Está descartada a possibilidade de apresentação de um relatório preliminar para a reforma da Previdência, afirmou Berzoini. Segundo ele, "não tem sentido prático a apresentação de um relatório preliminar". "O relatório na quinta-feira será o do relator, sem adjetivos", disse o ministro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.