Estadão e Gazeta realizam debate entre candidatos ao governo de SP nesta terça

Encontro, às 23h, vai reunir Geraldo Alckmin (PSDB), Aloizio Mercadante (PT), Celso Russomanno (PP), Paulo Skaf (PSB), Fábio Feldmann (PV) e Paulo Bufalo (PSOL)

Luís Fernando Bovo/SÃO PAULO, Estadão.com.br

23 de agosto de 2010 | 15h46

O Estadão e a Gazeta realizam nesta terça-feira, 24, a partir das 23 horas, debate entre os seis candidatos que disputam o governo de São Paulo. Participarão do debate Estadão/Gazeta os candidatos Geraldo Alckmin (PSDB), Aloizio Mercadante (PT), Celso Russomanno (PP), Paulo Skaf (PSB), Fábio Feldmann (PV) e Paulo Bufalo (PSOL).

 

O debate será transmitido ao vivo pela Gazeta e, na internet, pelo portal estadão.com.br. Será mediado pela apresentadora Maria Lydia Flandoli e contará com a participação de outros quatro jornalistas: Paulo Markun (comentarista da TV Gazeta), Silvia Corrêa (chefe de redação da emissora), Celso Ming (colunista de economia do Estado), e Luiz Fernando Rila (editor executivo do jornal).

 

A posição dos candidatos no estúdio e a ordem em que eles vão responder à primeira pergunta, que terá natureza temática e será a mesma para todos, foram definida por sorteio, no dia 12 de julho.

 

Os candidatos serão divididos em duas bancadas. O primeiro lugar à direita da mediadora será ocupado por Alckmin. Ao lado dele, sentarão Bufalo e, em seguida, Skaf. Do lado esquerdo de Maria Lydia, o primeiro posto será de Russomanno. Virão a seguir Mercadante e Feldmann.

 

Blocos

 

O encontro terá cinco blocos e um total de duas horas de duração. Além da pergunta temática que todos responderão logo na abertura do programa, haverá dois blocos (o segundo e o quarto) nos quais um candidato sorteado faz uma pergunta aleatória para outro candidato, também definido por sorteio.

 

No terceiro bloco, os candidatos vão responder aos jornalistas da Gazeta e do Estado. No último bloco, cada um terá dois minutos para as considerações finais. Haverá sempre espaço para réplica e tréplica.

 

O candidato que se sentir ofendido poderá pedir à âncora o direito de resposta, que terá duração de um minuto. Caberá à mediadora a decisão de acatar ou não o pedido, com o apoio da direção da emissora, de um representante do Estado e da consultoria jurídica do debate.

 

TV Estadão

 

A TV Estadão vai transmitir o debate entre os candidatos ao governo de São Paulo. Nos intervalos, o blogueiro do Estadão.com.br e colunista do "Estado", José Roberto de Toledo, vai avaliar o desempenho dos candidatos, ao lado de Luís Fernando Bovo, editor de Política do portal, e Felipe Machado, editor de Multimídia do site.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.