'Está virando jogo político', diz Lula sobre prefeituras

Presidente, segundo sindicalistas, afirma que não interessa que prefeituras atrasem pagamentos e demitam

Leonencio Nossa, da Agência Estado, e Tânia Monteiro, de O Estado de S. Paulo,

08 de abril de 2009 | 15h54

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva se queixou de que alguns prefeitos estão usando politicamente o problema da queda de receita dos municípios. "Isso está virando um jogo político e a oposição está torcendo contra", disse Lula, segundo relato de sindicalistas que estiveram nesta quarta-feira, 8, reunidos com o presidente no Centro Cultural Banco do Brasil.

 

Lula, segundo os sindicalistas, disse que não interessa ao governo que prefeituras atrasem pagamentos e demitam. Ele chegou a usar uma metáfora para reclamar do "jogo" de alguns prefeitos. "Alguns prefeitos estão mais preocupados em quanto de cachaça podem tomar do que com os tombos", disse o presidente, segundo dois sindicalistas ouvidos pela Agência Estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.