Erundina rouba a cena em seminário de petista

A deputada Luiza Erundina (PSB-SP) roubou a cena ontem no seminário promovido pela ex-ministra Marta Suplicy (PT), para expor suas propostas para a área de habitação. A socialista, que já integrou os quadros do PT, desviou do tema para exaltar seu apoio à candidatura de Marta. Dizendo-se emocionada, Erundina afirmou que desde o início foi favorável a uma coligação com o PT e citou o fato de ter sido preterida na escolha do vice na chapa petista. "Não é que eu precisava ou queria ser vice-prefeita. Eu queria ter um governo de esquerda", disse, arrancando aplausos da platéia.Erundina era classificada por petistas como a "vice dos sonhos" de Marta e chegou ser convidada para o posto. A resistência ao seu nome veio de seu próprio partido e a vaga acabou com o deputado Aldo Rebelo (PC do B-SP). Marta não poupou elogios à ex-colega de partido. "Vinte anos atrás o nosso povo de São Paulo elegeu uma mulher nordestina e do PT prefeita da maior cidade do País", disse a petista. "Ela é o símbolo da luta dos mais pobres por uma vida digna." Marta evitou críticas diretas aos adversários. Erundina, por outro lado, atacou o hoje governador José Serra (PSDB), que derrotou a petista em 2004. O tucano, segundo ela, impediu a criação de conselhos de representação nas subprefeituras. "Quem não é democrático tem medo da democracia", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.