Equipe de manutenção causou apagão na região Nordeste

A Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) afirmou que um erro de uma equipe de manutenção foi a causa do apagão de ontem em seis Estados nordestinos, que atingiu três grandes indústrias na Região - Alumar (Maranhão), Trikem (Alagoas) e Gerdau Curado (Alagoas). A conclusão da Chesf consta de comunicado que enviou nesta sexta-feira à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). A equipe à qual é atribuído o erro estava fazendo a manutenção da linha de transmissão que interliga as subestações de Angelim-2 e Recife-2, ambas em Pernambuco, quando ocorreu o problema. A falha, segundo a Chesf, acabou desligando também uma linha que interliga essas duas subestações e outras 14. A Aneel informou que analisará o relatório da Chesf e, se considerar que houve prestação inadequada de serviço, poderá abrir um processo administrativo contra a empresa. O resultado do eventual processo, se comprovada a culpa da Companhia, poderá ser a aplicação de multa de até 2% da sua receita operacional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.