Equipe de Aécio deve usar imagens com família Campos

As imagens registradas no encontro do candidato presidencial do PSDB, Aécio Neves, com integrantes da família de Eduardo Campos neste sábado devem ser usadas no próximo programa eleitoral de TV de domingo. Integrantes da equipe de marketing do tucano correm contra o tempo para montar o vídeo que deverá ser distribuído às redes de TV até o meio dia de amanhã, para poder ser veiculado na propaganda eleitoral de domingo à noite.

ERICH DECAT, Estadão Conteúdo

11 de outubro de 2014 | 19h21

Segundo integrantes da campanha ouvidos pelo Broadcast Político, por se tratar de um dia em que os eleitores normalmente estão em casa, a expectativa é que se tenha uma maior audiência.

Aécio Neves recebeu o apoio formal da família Campos em ato político realizado na capital pernambucana neste sábado. O tucano também se reuniu com a viúva de Eduardo, Renata Campos, que manifestou o apoio por meio de uma carta lida pelo filho mais velho João Campos.

Todos esses eventos foram registrados pela equipe de Aécio e deverão compor o programa que vai ao ar amanhã. O gesto da família de Eduardo Campos (morto no último mês de agosto) foi comemorado e considerado com extremamente importante dentro da campanha do PSDB.

Dentro do ninho tucano, há a avaliação de que o apoio formalizado pela família de um dos principais líderes da região poderá diminuir a rejeição e a imagem de que o tucano "é inimigo do Nordeste".

Na região, a candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT), teve o melhor desempenho no primeiro turno. Com o apoio da família Campos e dos dirigentes do PSB local, a expectativa dos tucanos é que Aécio também possa reduzir a vantagem que a petista impôs no primeiro turno no Estado.

Na primeira etapa, a líder de votos em Pernambuco foi a candidata Marina Silva (PSB) com 48% dos votos, seguida por Dilma com 44%. O tucano registrou o pior desempenho com apenas 5,9% dos votos.

Tudo o que sabemos sobre:
AéciocampanhaCampos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.