Entidade quer plebiscito sobre demarcação de terras em RR

Os índios contrários à demarcação em área contínua da reserva Raposa Serra do Sol irão solicitar que o governo federal que consulte a população antes de tomar qualquer decisão oficial sobre esta questão. ?Mais uma vez iremos propor a realização de um plebiscito. Fizemos um documento contra a homologação em área contínua e levaremos ao presidente. Somos maioria e não um grupo, como dizem?, afirmou Silvestre Leocádio, presidente da Sociedade de Defesa dos Índios Unidos do Norte de Roraima (Sodiur).A idéia inicial é de viabilizar a ida de pelo menos 100 índios a Brasília. A marcha é uma tentativa de pressionar o governo para que os recebam em audiência. Se conseguirem o encontro eles pretendem expor as possíveis conseqüências da homologação em área contínua para as comunidades indígenas e não-indígenas do Estado. Uma semana depois de encerrado o movimento que parou Roraima, os continuam se movimentando no interior do Estado. Eles estão sendo monitorados por agentes da Polícia Federal desde o início desta semana e hoje confirmou-se a notícia da interdição, por 80 índios, da ponte sobre o Rio Contão. Esta ação tomada pelas lideranças impede que haja acesso ao município de Uiramutã(nordeste do Estado, na divisa com a Guiana).Veja a galeria de fotos

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.