Entidade faz campanha sobre grave doença pulmonar em SP

A Sociedade Brasileira de Pneumologia está realizando uma campanha em oito cidades do País para conscientizar a população sobre a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). Os médicos atendem pacientes numa clínica móvel que fica estacionada nos pátios de grandes empresas. Todas as pessoas com mais de 40 anos, fumantes ou ex-tabagistas, e aquelas que, apesar de não fazerem uso do cigarro, têm muita tosse, catarro e sentem uma falta de ar acima do normal, devem procurar as peruas móveis. De acordo com os médicos, o exame que revela a existência da moléstia é muito simples, ou seja, consiste num "assomprão" prolongado em um aparelho e não dói. O resultado sai na hora e, se confirmada a doença, o paciente deverá ser encaminhado para um especialista da região. Em São Paulo, o exame poderá ser feito de hoje até domingo, das 8 às 17 horas, na clínica móvel no estacionamento do Carrefour Vila Maria entre as pontes da Vila Maria e Vila Guilherme, zona Norte da cidade. De 1º a 4 de julho, a clínica móvel estará no Estacionamento do Carrefour da Marginal do Pinheiros, zona Sul de São Paulo. Mais informações sobe a DPOC, no site da Campanha Respire e viva (www.respireeviva.com).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.