Empresas terão até dia 21 para apresentar propostas de caças

Estão participando da licitação a francesa Dassault, a americana Boeing e a sueca Saab

estadao.com.br,

11 de setembro de 2009 | 19h38

O Ministério da Defesa divulgou nota nesta sexta-feira, 11, afirmando que as empresas interessadas em vender caças ao exército brasileiro terão até o dia 21 de setembro para apresentar novas propostas.

 

Veja também:

linkLula diz que 'é presidente que decide sobre compra de caças'

 

O pronunciamento vem depois de ter sido anunciado que o governo brasileiro já havia fechado negócio com a empresa francesa Dassault, que iria vender 36 caças ao Brasil. Agora, conforme diz a nota, a nova proposta francesa terá que ser compatível "com os parâmetros referidos pelo presidente francês Nicolas Sarkozy". Também estão participando da licitação a americana Boeing e a sueca Saab.

 

A FAB agora espera concluir as avaliações técnicas que irá fazer em cada uma das aeronaves para decidir qual o Brasil irá adquirir. Porém, independente do julgamento do exército, quem irá definir a compra será o presidente Lula.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.