Embaixador volta ao Brasil após consultas na Itália

Valensise retorna com a missão de acompanhar de perto o julgamento de extradição de Battisti no STF

Agencia Estado

03 de fevereiro de 2009 | 00h06

O embaixador da Itália no Brasil, Michele Valensise, regressou nesta segunda-feira, 2, ao Brasil, depois de ter sido convocado pela chancelaria italiana para consultas, no rastro da crise bilateral desencadeada pela concessão de refúgio ao militante de esquerda Cesare Battisti. Veja Também: TV Estadão: Ideologia não influenciou concessão de refúgio, diz Tarso   Documento: Processo do Ministério Público que defere extradição de Battisti    Abaixo-assinado a favor do refúgio a Battisti Especialista diz que decisão de Tarso foi 'política' Leia tudo o que já foi publicado sobre o caso  Entenda a polêmica do caso Battisti   Valensise retorna com a missão de acompanhar de perto o julgamento de extradição no Supremo Tribunal Federal (STF). A convocação do embaixador na semana passada foi uma manifestação diplomática de desagrado da Itália com a decisão do ministro da Justiça, Tarso Genro.

Tudo o que sabemos sobre:
Battistiembaixador

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.