Em Porto Velho, 1.200 pessoas participaram de protesto contra a presidente Dilma

Cerca de 1.200 pessoas participaram da manifestação em Porto Velho, capital de Rondônia, que pedia a saída da presidente Dilma Rousseff, segundo a Polícia Militar. Além de reivindicar o impeachment da presidente, o movimento "Vem Pra Rua Rondônia", composto por médicos, advogados, estudantes, jornalistas, entre outros cidadãos, pediu a redução do número de ministérios, transparência dos dados e empréstimos do BNDES e o impedimento do ministro Toffoli de julgar ou mesmo fazer parte da turma que julgará a CPI da Petrobras.

QUÉTILA RUIZ, ESPECIAL PARA AE, Estadão Conteúdo

12 Abril 2015 | 19h09

Aproximadamente 130 policiais militares fizeram a segurança da população e não houve registro de ocorrências. Já de acordo com os organizadores do movimento, duas mil pessoas estiveram presentes durante todo o evento.

Mais conteúdo sobre:
ProtestosPorto VelhoRondônia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.