Em palanque, Lula ataca rivais falando de Cristo

Embalado pelos altos índices de popularidade de seu governo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a recorrer ontem àfigura de Jesus Cristo para defender-se de ataques dos adversários. Num discurso para 5 mil pessoas, em Guarulhos - onde foi levar apoio ao candidato petista à prefeitura, Sebastião Almeida -, o presidente disse que desde os tempos de dirigente sindical é alvo de críticas dos adversários. E acrescentou: "Me acusavam porque eu tinha barba. E esqueceram que Jesus Cristo também tinha barba." Afirmou, em seguida, que "a inteligência é uma coisa que nasce dentro de nós. E eu tinha o maior conhecimento que um político tem que ter. Tenho exatamente o sentimento da alma do povo brasileiro". Não é a primeira vez que Lula recorre a tais comparações. Num comício em Santo André, em 2002, ele descreveu Cristo como revolucionário e perguntou: "Quem lutou mais pela repartição dos pães do que Cristo? Por isso, a mesma elite que tem preconceito contra nós tinha preconceito contra ele." Tempos depois, falando do Bolsa-Família em Recife, comparou: "A multiplicação dos pães de que Cristo falava era exatamente essa: deu dinheiro nas mãos de pessoas necessitadas". No discurso de ontem, o presidente disse ainda que o Brasil "vive um momento mágico" e que o governo vai usar os recursos do pré-sal para acabar com a pobreza no País.Horas antes, Lula esteve em São José dos Campos, onde, diante de cerca de 10 mil pessoas, pediu votos para Carlinhos Almeida (PT). Numa longa fala de 33 minutos falou dos investimentos em educação e prometeu criar mais 14 universidades federais e 100 novos centros técnicos. "Quando eu assumi eram 113 mil universitários nas faculdades federais. No ano que vem serão 227 mil. Pobre também tem o direito de virar doutor", afirmou. Lula destacou também o Pro-Uni. dizendo que até o ano que vem ele deverá ter bancado 535 mil jovens nas universidades particulares do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.