Presidência diz que caráter pacífico de atos demonstra 'maturidade'

Presidente Dilma passou o domingo no Palácio da Alvorada acompanhando pelo noticiário e por interlocutores as mobilizações

Beatriz Bulla, O Estado de S. Paulo

13 de março de 2016 | 20h12

BRASÍLIA - A Presidência da República divulgou uma nota de posicionamento sobre os atos deste domingo, 13, contrários ao governo na qual é destacado o "caráter pacífico das manifestações" e a "maturidade" do País que sabe "conviver com opiniões divergentes". 

"A liberdade de manifestação é própria das democracias e por todos deve ser respeitada. O caráter pacífico das manifestações ocorridas neste domingo demonstra a maturidade de um País que sabe conviver com opiniões divergentes e sabe garantir o respeito às suas leis e às instituições", diz o texto, assinado pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.

A presidente Dilma Rousseff passou o domingo no Palácio da Alvorada acompanhando pelo noticiário e por interlocutores as mobilizações pelo País. Ao longo da tarde, Dilma reuniu um grupo de ministros no Palácio do Alvorada para definir a resposta que o governo daria às manifestações.

Em outros atos contrários ao governo, a presidente chegou a escalar ministros para pronunciamento oficial. Sem fala neste domingo, a Presidência divulgou a nota de pouco mais de quatro linhas.

Estiveram presentes na reunião com a presidente no período da tarde os ministros Jaques Wagner (Casa Civil), Edinho Silva (Comunicação Social), Ricardo Berzoini (Secretaria de Governo) e José Eduardo Cardozo (Advocacia Geral da União). 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.