Em diversas cidades do País, espectadores fazem panelaço e gritam 'Fora, Dilma'

Nas redes sociais, internautas relataram 'panelaço' e protestaram durante discurso da presidente

O Estado de S. Paulo

08 de março de 2015 | 23h06

Durante o pronunciamento da presidente Dilma Rousseff em rede nacional pelo Dia Internacional da Mulher neste domingo, 8, espectadores fizeram buzinaço e panelaço contra ela em diversas cidades do País. À tarde, grupos favoráveis ao impeachment da presidente espalharam mensagens por celular convocando o protesto. Nas redes sociais, o grupo Revoltados Online também fez convocações para o panelaço.

A transmissão do pronunciamento começou às 20h40 no horário de Brasília e se estendeu por 16 minutos - houve protestos em diversas cidades do País. Pessoas foram às janelas gritar 'Fora Dilma'. Em São Paulo, xingamentos se misturavam com panelaços em bairros como Higienópolis, Perdizes, Aclimação, Ipiranga, Lapa, Moema, Vila Marina, Mooca e Santana. Também houve protestos em bairros de Brasília e Belo Horizonte, onde os gritos e xingamentos contra a presidente e panelaços se repetiram. Muitos acendiam e apagavam as luzes durante o discurso.

Nas redes sociais, internautas relataram 'panelaço' e protestaram durante discurso de Dilma. Hashtags de protesto, como #vaiaDilma, aparecem entre assuntos mais comentados.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Dilma, pronunciamento, panelaço

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.