Em discurso, Lula diz que mulheres são 'as caras'

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva exaltou hoje o papel da mulher na sociedade brasileira. O petista discursou, de improviso, para uma plateia de cerca de 3 mil pessoas, predominantemente feminina. "Vocês, na verdade, são ''as caras''", afirmou o presidente, referindo-se ao título de "cara" que recebeu no ano passado do presidente dos Estados Unidos, o democrata Barack Obama. Maior cabo eleitoral da pré-candidata do PT à Presidência, a ex-ministra Dilma Rousseff, Lula disse que as mulheres não se contentam mais em ficar em casa, esperando o dinheiro do marido.

CAROLINA FREITAS, Agência Estado

01 de junho de 2010 | 15h12

"Vida de mulher é uma desgraça, sobretudo a da mulher que trabalha em casa, porque o trabalho doméstico não é valorizado, apesar de muitas vezes ser mais pesado do que o que a gente faz na fábrica", argumentou. "A mulher pode fazer qualquer serviço que o homem faz."

O presidente discursou em cerimônia de formatura de 1,5 mil alunos de um curso profissionalizante promovido pelo governo federal e voltado, exclusivamente, para beneficiários do Programa Bolsa Família. O Próximo Passo foi lançado em 2009 com a oferta de mais 172 mil vagas para qualificação nas áreas de Construção Civil e Turismo.

As mulheres formavam 77% dos formandos no evento, dado destacado pelo presidente da Associação Brasileira para Prevenção de Acidentes (ABPA), Marcelo Silveira. A entidade é parceira do governo federal no programa. "A mulher não é o sexo frágil. O senhor, presidente Lula, sabe disso, porque sua candidata também é do sexo forte", afirmou.

O evento para homenagear os formandos paulistas ocorre um dia após o pré-candidato do PSDB, o ex-governador José Serra (SP), ter prometido que, se eleito, oferecerá bolsas de auxílio aos beneficiários do Bolsa Família que frequentem cursos profissionalizantes.

Para encerrar o discurso de cerca de 15 minutos, Lula convocou os trabalhadores recém-formados a persistirem em seus objetivos de vida. "Não deixem de brigar pelo que acreditam. Não podemos desanimar. Eu só cheguei à Presidência porque eu teimei", destacou.

Bilhetes

Chegaram ao presidente Lula, durante uma hora de cerimônia, dezenas de bilhetes da plateia. A cada pedaço de papel jogado pelos populares, Lula levantava-se da cadeira e pegava os bilhetes na beira do palco. "Tem bilhete para todo o gosto. Só não teve bilhete romântico", brincou Lula, logo no início do discurso, em resposta a uma mulher que gritou: "Eu te amo!"

Terminada a cerimônia, Lula desceu do palco para cumprimentar a plateia, ao lado do pré-candidato do PT ao governo de São Paulo, senador Aloizio Mercadante. O parlamentar, por sua vez, foi bastante aplaudido durante o evento. Apesar de não ter discursado, o petista foi citado por Lula como alguém que "tem ajudado de forma extraordinária" o governo e o partido.

Tudo o que sabemos sobre:
discursoLulamulherescarasDilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.