Elo da Sars com doenças em animais ainda não apareceu

Apesar das especulações de que o vírus mortal que causa a Síndrome Respiratória Aguda Severa (Sars), a pneumonia atípica, pode ser uma mutação de vírus de doenças no gado, em aves ou humanos, a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Centro de Controle e Prevenção dos EUA disseram que não há evidência de que a Sars em humanos tenha relação com animais.Na semana passada, autoridades sanitárias holandesas restringiram o transporte de suínos depois da descoberta de que alguns animais apresentavam anticorpos contra o vírus da influenza aviária. A preocupação era que o vírus e sua variante humana pudessem transformar-se em um novo tipo de vírus, mais forte e perigoso para os humanos.Beth Lautner, veterinária e vice-presidente da Câmara Nacional de Suínos da Holanda disse que o vírus da influenza aviária não é da mesma família do vírus que provoca a Sars.Em seu site, a OMS disse que está trabalhando em conjunto com a Organização para Alimentos e Agricultura (FAO) e o Escritório Internacional e Epizootias (OIE, da sigla em inglês) para determinar se há relação entre a Sars e as doenças em animais.Veja o índice de notícias sobre a pneumonia atípica

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.