Eles vão ter que me engolir, diz Garotinho ao PMDB governista

O pré-candidato à presidência da República pelo PMDB, Anthony Garotinho, chegou à Câmara de Vereadores do Rio, onde se realiza a prévia do partido, dizendo que está confiante no lançamento de sua candidatura. "Com prévia ou sem prévia eu vou para a convenção. E eles vão ter que me engolir", disse o ex-governador do Rio, parafraseando o técnico de futebol Zagalo. Ele se referiu ao PMDB governistas que conseguiu na Justiça suspender a prévia para escolha do candidato do partido á Presidência da República. As principais ruas de acesso à Cinelândia, no Centro do Rio, onde está sendo feita a votação e que será palco de comício, estão lotadas de ônibus fretados pelo partido.Garotinho, que disputa com o governador licenciado do Rio Grande do Sul, Germano Rigotto, a preferência dos peemedebistas, passou hoje por Goiânia e São Paulo, antes de chegar voltar ao Rio.

Agencia Estado,

19 de março de 2006 | 17h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.