Eleitor que não votou tem 60 dias para regularizar-se

A partir desta terça-feira, os eleitores que não votaram e nem justificaram a falta nas últimas três eleições terão um prazo de 60 dias para regularizar a situação e evitar o cancelamento do título. Segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mais de 2 milhões de eleitores estão em situação irregular. São Paulo é o campeão em número de faltas, com 366.400 eleitores ausentes. O segundo Estado com mais ausências é o Rio, com 295.400, e o terceiro, Minas Gerais, com 187.500.De acordo com o TSE, a lista com o nome dos eleitores que faltaram nas últimas eleições estará disponível a partir desta terça-feira nos cartórios eleitorais e na página do TSE na internet (www.tse.gov.br).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.