''''Ele não foi homem suficiente, foi mau caráter''''

Entrevista com Heloísa Helena: presidente do PSOLNa sessão, Heloísa Helena (AL) virou alvo de Renan por responder a um processo por sonegação. "Ele não foi homem suficiente, se valeu de uma acusação que sabe ser falsa", rebateu a presidente do PSOL. Como a senhora se sente depois de o Senado inocentar Renan?Sou igual a milhões de mães de família que ensinam aos filhos que é proibido roubar. Não posso perder a esperança, mesmo diante da atitude covarde da maioria dos senadores, que agiram claramente em conluio para acobertar crimes contra a administração pública patrocinados pelo senador Renan. E quanto à acusação?Tenho um processo há 10 anos. Eu e vários deputados estaduais fomos tributados pelas verbas de gabinete. Luto contra essa medida, até no Supremo. O senador sabe disso, da mesma forma que sabemos ter sido provado no Conselho de Ética que Renan é ladrão dos cofres públicos. Nunca imaginei que ele fosse mau caráter a ponto de usar esse processo. Até porque é público que ele relacionou a verba como rendimento para justificar evolução de patrimônio. A senhora acredita que ele ainda será cassado?Quem, como eu, defende o socialismo democrático prefere continuar acreditando que é possível aprimorar as instâncias de decisões políticas no Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.