Eduardo Suplicy diz que permanecerá no PT

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) disse que, apesar de ter comparecido ao lançamento do partido Rede Sustentabilidade, da Marina Silva, no fim de semana, não tem nenhuma intenção de deixar o Partido dos Trabalhadores. "Permaneço no PT. Tenho compromisso histórico com o PT", afirmou ele.

TÂNIA MONTEIRO, Agência Estado

19 de fevereiro de 2013 | 15h33

Questionado se poderia deixar o partido caso o seu nome para disputar a vaga ao Senado fosse preterido, favorecendo outro candidato, Suplicy respondeu que, para isso acontecer, seria necessário que houvesse uma prévia com todo o partido e ele perdesse a escolha. Sobre a possibilidade de o PT impor outro nome, Suplicy afirmou: "Tenho a convicção absoluta de que o PT jamais vai impor uma solução que não seja democrática, já tenho assegurada a palavra do presidente do PT nacional, estadual e municipal".

Tudo o que sabemos sobre:
SuplicyPTMarina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.