Eduardo Jorge quer fitas da TVE sobre TRT-SP

O ex-secretário geral da Presidência, Eduardo Jorge, reuniu-se na manhã de hoje com o secretário de Comunicação Social do governo, Andrea Matarazzo, para requisitar as fitas dos programas jornalísticos da TV Educativa, que o citam no escândalo do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (TRT-SP). Ele informou que pretende também pedir fitas de reportagens veiculadas por emissoras privadas de televisão. Eduardo Jorge anunciou que vai processar os procuradores da República pelas "bobagens" que estão falando sobre ele.O ex-secretário disse que não teme a abertura da CPI da Corrupção pelo Congresso para investigá-lo. "A CPI sobre mim já foi feita mesmo sem ser instalada", disse, ao explicar que já entregou à comissão de fiscalização do Senado o seu sigilo bancário entre 1994 e 1998. Eduardo Jorge acredita que as denúncias contra ele são patrocinadas pelo Partido dos Trabalhadores (PT).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.