Imagem João Domingos
Colunista
João Domingos
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Eduardo Campos fará elogio público a Cid Gomes

O presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, disse ao jornal O Estado de S.Paulo que fará um elogio público ao governador do Ceará, Cid Gomes, nesta quarta-feira, 25. O governador, o irmão Ciro e o grupo político ligado aos dois deixarão o PSB para entrar em outra legenda, provavelmente o PROS, referendado na noite de terça-feira, 24, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

JOÃO DOMINGOS, Agência Estado

25 de setembro de 2013 | 13h09

Com isso, o grupo permanecerá na base de apoio ao governo de Dilma Rousseff e o ministro Leônidas Cristino ficará à frente da Secretaria de Portos. "Deixo claro que as divergências com o governador Cid Gomes foram políticas. Ele e seu grupo saem do PSB pela porta da frente", disse Eduardo Campos.

A reunião do diretório do PSB foi convocada para resolver o impasse do partido no Rio de Janeiro, envolvido numa disputa interna. Será julgada uma ação movida pelo deputado Glauber Braga (RJ) contra o presidente da legenda, Alexandre Cardoso, prefeito de Caxias.

Mais conteúdo sobre:
psbexecutivacampos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.