Eduardo Campos é reeleito presidente nacional do PSB

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, foi reeleito neste sábado, em Brasília, presidente nacional do Partido Socialista Brasileiro (PSB), durante o 12º congresso da sigla. O partido elegeu por unanimidade o novo diretório nacional e os membros dos conselhos de ética e fiscal, segundo informações publicadas pela assessoria de comunicação do partido. O PSB manteve nos postos da executiva o primeiro vice-presidente, Roberto Amaral (RJ), o segundo vice, Beto Albuquerque (RS), e o terceiro vice, João Capiberibe (AP).

AE, Agência Estado

03 de dezembro de 2011 | 17h00

Ontem, durante a abertura do congresso, Campos pediu aos militantes do partido que ficassem atentos e não se deixassem seduzir por coligações que possam fugir do projeto de um governo de aliança de esquerdas nas eleições municipais do ano que vem. "Não podemos vacilar. Temos de impedir que volte a velha política que não serve ao Brasil", afirmou ele.

A intenção do partido é lançar candidatos a prefeito na disputa eleitoral de 1,5 mil municípios em 2012.

Para a presidência de honra do PSB, a executiva indicou o imortal da Academia Brasileira de Letras Ariano Suassuna.

Tudo o que sabemos sobre:
Eduardo CamposreeleitoPSB

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.